cancel

Descrição do espécime tipo de Laurenceomyia peixotoiDescrição do espécime tipo de Laurenceomyia peixotoi

 

Encontrar e batizar uma nova espécie durante um trabalho de campo é uma realização sem igual para qualquer cientista. Imagina, então, encontrar duas! Foi o que aconteceu com o trio de especialistas formado por Reginaldo Peçanha Brazil, do Laboratório de Doenças Parasitárias do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz); Israel de Souza Pinto, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará (IFPA); e Claudiney Biral dos Santos, da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). 

Os cientistas aproveitaram a oportunidade singular para demonstrar sua admiração e respeito por aqueles que inspiraram suas trajetórias científicas. Os insetos, duas novas espécies de uma família de pequenas moscas, conhecidas como psicodídeos, receberam os nomes de Laurenceomyia peixotoi, em memória a Alexandre Peixoto, pesquisador do IOC falecido precocemente em 2013, e Boreofairchildia alexanderi, em homenagem ao cientista escocês Bruce Alexander.

Os achados foram descritos em recente artigo publicado na revista Zootaxa.

 

Reginaldo Brazil conta que o principal objetivo do grupo era encontrar flebotomíneos. Conhecidos como mosquito-palha, estes insetos possuem grande importância médica por serem vetores da leishmaniose visceral. “Diversos insetos que ocupam o mesmo habitat acabam sendo capturados durante nossas buscas por flebotomínios. As duas novas espécies, especificamente, chamaram nossa atenção. Analisamos cuidadosamente os espécimes, comparamos com outros já descritos na literatura científica e percebemos que estávamos diante de dois seres ainda não catalogados”, revelou.

Embora não sejam vetores de doenças, a Laurenceomyia peixotoi, encontrada no Acre, e a Boreofairchildia alexanderi, localizada no Espírito Santo, possuem, como todo ser vivo, valor biológico. “Cada achado é importante para preservar a memória da biodiversidade do nosso país. Elas podem, no momento, não possuir importância médica, mas fazem parte da fauna brasileira e possuem seu papel nas regiões em que prevalecem. A descrição delas é significativa, pois, se um dia essas espécies vierem a desaparecer, haverá, para sempre, o registro de suas existências”, reforçou o pesquisador.

A escolha dos nomes para as novas espécies foi consenso entre os especialistas, que compartilham da admiração pelas carreiras dos cientistas homenageados. “Alexandre era chefe do Laboratório de Biologia Molecular de Insetos do IOC e bastante querido por quem teve a oportunidade de estar com ele. Uma referência em genética de insetos e autoridade em psicodídeos. Todos nós ficamos muito sentidos com o seu falecimento em 2013, principalmente os alunos, com quem ele mantinha um contato muito estreito”, compartilhou Reginaldo.

 O pesquisador destaca que o último autor do artigo, Israel de Souza Pinto, foi orientando de Peixoto durante o doutorado. “Ele ainda possui um grande interesse em homenagear o Alexandre batizando uma nova espécie de flebotomíneo, devido aos trabalhos que desenvolveram juntos sobre esses mosquitos. Como ainda não foi possível encontrar esse espécime desconhecido, algo bastante difícil, a homenagem foi realizada com o atual achado de Laurenceomyia”, explicou.

Descrição do espécime tipo de Boreofairchildia alexanderiDescrição do espécime tipo de Boreofairchildia alexanderi

 

 

A lembrança feita ao cientista escocês Bruce Alexander através do batismo da espécie Boreofairchildia alexanderi também se deu pelas contribuições do pesquisador nos estudos da família Psychodidae. Bruce, falecido em 2016, realizou diversas colaborações com os autores do artigo e, também, com outros pesquisadores da Fiocruz. Os dois espécimes tipos estão depositados na Coleção Entomológica do Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo (USP).

 

Reportagem: Max Gomes

Edição: Vinicius Ferreira 

Imagens: Reprodução do artigo

Publicação09/06/2021

Fonte: Comunicação / Instituto Oswaldo Cruz

Disponivel em: http://www.fiocruz.br/ioc/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=3692&sid=32

 

 

Duas vagas de pos-doutorado estão disponiveis no The Laboratory of Malaria and Vector Research (LMVR) no NIH/NIAID, sob a supervisao do Dr. Tovi Lehmann. O LMVR estuda a ecologia, o comportamento, a fisiologia e a genética de populações de mosquitos em relação à transmissão e controle de doenças. Trabalho recente deste grupo enfocou o comportamento migratório e a ecologia da estação seca.

 

Perfil do candidado

 Ph.D. em ecologia, entomologia ou campos relacionados, e pelo menos duas publicações como primeiro autor são obrigatórias.

Experiência em estudos de campo, biologia molecular, parasitologia / virologia e análise estatística  tambem sao desejáveis.

Não é permitido a candidatura de quem tenha mais do que 5 anos desde a conclusão do grau de doutorado. 

 

* Vaga 1- Vector Ecology - Post-Doctoral Position Available at NIH

Realizar estudos de campo e / ou em laboratório com mosquitos.

Para se candidatar à vaga, envie CV, declaração de interesses de pesquisa, pdfs de artigos de autoria e nomes de três referências para Tovi Lehmann: TLehmann@nih.gov, LMVR, NIAID, NIH, até 9 de julho de 2021.

 

* vaga 2 - Vector Ecology unit - Post-Doctoral Position Available at NIH

Estudar a propagação de insetos e patógenos que afetam a saúde pública e a segurança alimentar na África.

Experiência e aptidão em taxonomia convencional e molecular, biologia molecular, parasitologia / virologia e análise estatística são desejáveis.

 O cargo pode ser estendido por até cinco anos com base no progresso satisfatório e disponibilidade de financiamento.

 

Para se inscrever e obter mais informações, envie CV, declaração de interesses de pesquisa, pdfs de artigos de autoria e duas cartas de referência (inclusive do mentor anterior) para Tovi Lehmann: TLehmann@nih.gov. 

As inscrições serão processadas até que a posição seja preenchida. Os candidatos devem enviar suas inscrições até 28 de junho de 2021.

 

 

 

 

 

Estudantes e pesquisadores têm até o dia 26 de outubro para submeter trabalhos no  2º Encontro Virtual 2020 do Grupo Arthromint. Para a inscrição de trabalhos nas mesas aleatórias, cada estudante ou pós-doc deverá preparar uma curta apresentação no Power Point (5-6 slides) com uma breve introdução ao seu projeto, bem como o conjunto de resultados/conclusões a ser discutido. As mesas aleatórias serão realizadas por videoconferências criadas e coordenadas por 1-2 pesquisadores via plataformas como  Google Meets, Webconf, Zoom, etc. Baixe aqui as instruções para submissão dos trabalhos.

A 2ª edição do Encontro Virtual 2020 irá ocorrer nos dias 11 e 12 de novembro. A programação do evento online é composta por duas palestras, duas sessões de mesas aleatórias de apresentações de trabalhos e 14 mesas temáticas apresentadas por docentes e pesquisadores experientes. As inscrições são gratuitas* e estarão abertas de 1 a 20 de outubro de 2020, através do link: https://www.grupoarthromint.net/

 

Os palestrantes confirmados no evento são o Dr. Guilherme Marcondes Klafke, do Instituto de Pesquisas Veterinárias Desidério Finamor, Eldorado do Sul/RS que irá falar sobre a resistência a pesticidas em carrapatos e o Dr. Michalis Kotsyfakis, do Biology Centre CAS, Institute of Parasitology, Laboratory of Genomics and Proteomics of Disease Vectors, České Budějovice/ República Tcheca que irá minisrtar a palestra intitulada "Host homeostasis regulators of tick origin". As palestras serão transmitidas no canal do Arthromint no Youtube (https://www.youtube.com/channel/UCFgFzwI2VDCjwzFO_Et3t5g).

Além de assistir as duas palestras programadas para a manhã do primeiro dia (11/11), os inscritos no 2o  Encontro Virtual terão a oportunidade de participar de duas sessões de mesas aleatéorias nas tardes dos dois dias do evento. Nesta segunda edição, será possível ainda escolher uma das treze mesas temáticas para participar na manhã do segundo dia (12/11).

 

Mesas-Temáticas: 

 

ARTRÓPODES VETORES DE INTERESSE VETERINÁRIO: ONDE ESTAMOS E PARA ONDE PODEMOS IR / Melissa Florêncio e Patricia Fampa Negreiros Lima - UFRRJ

BIOLOGIA DOS OVOS DE INSETOS: MUITO MAIS FASCINANTES DO QUE PARECEM / Gustavo Lazzaro Rezende – UENF

COMPORTAMENTO EM INSETOS VETORES / Luciana Ordunha Araripe – FIOCRUZ

DESENVOLVIMENTO DE VACINAS / Itabajara da Silva Vaz Junior – UFRGS

 DIGESTÃO EM INSETOS / Adriana Rios Lopes – Instituto Butantan e Fernando Ariel Genta – IOC

 EPIGENÉTICA EM PARASITAS HELMINTOS E SEUS HOSPEDEIROS: O QUE, COMO E PARA QUE? / Fernanda Janku Cabral – UNICAMP

 INTERAÇÃO DE TRIPANOSSOMATÍDEOS COM ARTRÓPODES / Angela Hampshire de Carvalho Santos Lopes – UFRJ

 MINIATURIZAÇÃO DOS ORGANISMOS MODELO: NEMATOIDES COMO EXEMPLO / Carlos Eduardo Winter – USP

 MONITORAMENTO DE COMPORTAMENTO COMPLEXO DE VETORES COM O SOFTWARE ETHOFLOW EM AMBIENTES HOMOGÊNEOS E HETEROGÊNEOS BASEADO EM INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL /  Gustavo Ferreira Martins – UFV e Rodrigo Bernardes – UFV

 O SISTEMA IMUNE DE INSETOS NA INTERAÇÃO COM OS PATÓGENOS / Cecilia Stahl Vieira – IOC e Daniele Pereira de Castro – IOC

 O USO DA ALIMENTAÇÃO ARTIFICIAL EM ARTRÓPODES HEMATÓFAGOS / Simone Michaela Simons – Instituto Butantan

 RESISTÊNCIA A INSETICIDAS / Ademir de Jesus Martins Junior – IOC

 RESISTÊNCIA ANTI-HELMÍNTICA EM ANIMAIS DE CRIAÇÃO / Josiana Gomes de Andrade – UENF

 

As mesas temáticas serão organizadas por docentes e pesquisadores experientes que coordenarão uma discussão em um assunto específico. Assim como as mesas aleatórias, as mesas temáticas serão realizadas por videoconferências criadas e coordenadas por um pesquisador via plataformas como Google Meets, Zoom, Webconf, etc.

É importante ressaltar que as mesas temáticas têm limitação de participantes, então ao fazer sua inscrição escolha a que você mais tem interesse em participar!

Inscreva-se gratuitamente *: https://www.grupoarthromint.net

 

Programação

 

11 de novembro (quarta-feira)

 

09:30  Abertura - Grupo de Trabalho do 2o Encontro Virtual 2020 

10:00 -11:00 h  - 1ª palestra -  Dr. Guilherme Marcondes Klafke (Instituto de Pesquisas Veterinárias Desidério Finamor, Eldorado do Sul, RS, Brasil)

                              Título: "Resistência a pesticidas em carrapatos"

11:00-12:00h  2ª Palestra - Dr. Michalis Kotsyfakis (Biology Centre CAS, Institute of Parasitology, Laboratory of Genomics and Proteomics of Disease Vectors, České Budějovice, República Tcheca) 

                       Título: "Host homeostasis regulators of tick origin"

14:00-17:00h Mesas aleatórias (sessão 1)

 

12 de novembro (quinta-feira)

 

09:30 - 12:30h Mesas temáticas

14:00-17:00h Mesas aleatórias (sessão 2)

 

*A Comissão organizadora do Encontro Virtual 2020 do Grupo Arthromint sugere que sejam feitas doações para as Instituições abaixo listadas**: 

Rio Grande do Sul - Doações para o laboratório de testes de coronavírus do ICBS, Instituto de Ciências Básicas da Saúde da UFRGS - http://www.ufrgs.br/icbs/ 

Rio de Janeiro - Doações para o Laboratório de Virologia Molecular do Instituto de Biologia da UFRJ -http://www.fujb.ufrj.br/covid-19-campanha-de-doacoes/ 

São Paulo - Doações para o programa USP Vida, pesquisas de ações diagnósticas para a covid-19, da USP - https://www5.usp.br/uspvida/  

**Valores indicados:  R$ 10,00 alunos de IC; R$ 20,00 alunos de pós-graduação; R$ 50,00 pesquisadores

 

O grupo de trabalho que está organizando a 2a. ediçao do Encontro Virtual 2020 do Grupo Arthromint é formado pelos pesquisadores (as) Andrea Fogaça, Itabajara Vaz-Jr, Anderson Sá-Nunes, Jayme de Souza-Neto, Daniela Castro e Emerson de Avelar (secretário). 

 

O 1a. edição do Encontro Virtual 2020 do Grupo Arthromint aconteceu no dia 29 de maio de 2020. Leia a matéria sobre o evento

http://www.inctem.bioqmed.ufrj.br/index.php/pt/destaques/noticias/3027-grupo-arthromint-promove-encontro-virtual-em-2020

 

O Virtual Vector Biology 2021 já está em sua 4a edição. Na programação, 10 renomados especialistas em biologia de vetores de diferentes instituições dos Estados Unidos e também do Brasil . O evento é organizado pelas Dras Monika Gulia-Nuss e Claudia Rückert  da University of Nevada, Reno. 

Os seminários acontecem todas as sextas-feiras, 14h horário de Brasilia (9am PST) através da plataforma zoom. 

Inscrições  https://unr.zoom.us/meeting/register/tZUlcu2tqjMiGddkUaf-vWwn7CayI9yKYwCb

 

Virtual Vector Biology 2021 - Seminar Series IV

 

Programação, às 16h

 

15 de janeiro 2021 -  Megan Meuti (Ohio State University)

22 de janeiro 2021 - Rebekah Kading (Colorado State University)

29 de janeiro 2021 - Albert Mulenga (Texas A&M University)

05 de fevereiro 2021 - Andrea Swei (San Francisco State University )

12  de fevereiro 2021 - Andrew Nuss (University of Nevada, Reno) 

19 de fevereiro 2021  - Serap Aksoy (Yale School of Public Health) 

26 de fevereiro 2021  - Chris Barker (University of California)

05 de março 2021 -  Davis Michelle Riehle  (Medical College of Wisconsin )

12 de março 2021 - Katia Gondim (Federal University of Rio de Janeiro )

19 de março 2021 - Valentino Gantz (University of California, San Diego )

 

Informações : mgulianuss@unr.edu  or crueckert@unr.edu

 O Laboratório de Biologia Molecular de Parasitas e Vetores do Instituto Oswaldo Cruz, Fiocruz-RJ, procura condidados a bolsa de pós-doc para trabalhar em projeto relacionado as interações moleculares entre Leishmania e seus vetores flebotomíneos.

 
O (a) candadido (a) deve ter experiência em áreas relacionadas a entomologia molecular, e/ou parasitologia, e/ou biologia molecular. 
 
Pré-requisito: experiência no exteriror por pelo menos 12 meses
 
Interessados devem enviar carta de intenção e cv lattes, até 25 de setembro, para Yara M. Traub-Cseko : ytraub@ioc.fiocruz.br
Topo